DUAS ESCOLAS SUSPENDEM AULAS DEVIDO CHACINA EM NÍSIA FLORESTA; A SEXTA VÍTIMA ESTUDAVA NA E. M. YAYÁ PAIVA

Imagem: Reprodução/Facebook

A chacina ocorrida na noite de ontem (21), no bairro do Alto Monte Hermínio, chocou a cidade de Nísia Floresta. Cinco pessoas morreram no local e outra no hospital. Pelo menos três sepultamentos já foram realizados no cemitério público do centro da cidade.

Três dos seis assassinados eram alunos da rede pública municipal e as Escolas Professora Maria Dolores e Yayá Paiva decretaram luto oficial e suspenderam as aulas nesta segunda-feira (23).

Neste domingo (22) foi divulgada a lista oficial das vítimas. São eles: Arlindo Júnior, de 18 anos de idade; Jackson Nascimento, 16 anos. Anderson Júnior Rodrigues do Nascimento, 17 anos; Maxuel Bento Gonçalo de Lira, 19 anos; Gean Nonato Nascimento, de 33 anos, e Fabrício Câmara da Silva, de 16 anos.

Da Redação / Nísia Digital
Espaço Vip Nísia Floresta

NORTE E NORDESTE LIDERAM CASOS DE CRIMES ELEITORAIS NO BRASIL

Foto: TARSO SARRAF

Estados do Norte e do Nordeste concentram, proporcionalmente, o maior número de investigações por crimes eleitorais no País no período de uma década. Nas últimas seis eleições (2006-2016), Roraima, Acre, Rio Grande do Norte, Paraíba, Tocantins e Amapá tiveram a maior relação de inquéritos policiais por eleitor no Brasil. A maioria dos procedimentos abertos se refere a compra de voto.

Os números fazem parte de um levantamento feito pelo Estado com base em relatórios da Polícia Federal obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação (LAI). A reportagem comparou dados do número de inquéritos de matéria eleitoral enviados pela Divisão de Assuntos Sociais e Políticos (Dasp), da Polícia Federal, com a quantidade de eleitores de cada um desses Estados.

Na década, considerando apenas os pleitos nacionais, houve crescimento de 8,9% no número de inquéritos: de 1.022 para 1.113. No Ceará e em Roraima, os casos crescem ano a ano. No entanto, houve queda na quantidade de crimes eleitorais referentes aos pleitos municipais. Ainda assim, foram abertos 2.073 inquéritos em 2016 – ante 3.528 em 2008 (diminuição de 41,2%).

Procuradores eleitorais, delegados e presidentes dos tribunais regionais eleitorais ouvidos pelo Estado apontam que esse tipo de problema é impulsionado pela dependência que essas regiões têm em relação a empregos relacionados à máquina pública. Roraima é o Estado que mais registrou esse tipo de ocorrência – 12,9 por cada 100 mil eleitores, em média, na década.

“De dez anos para cá o voto de cabresto tem diminuído, mas ainda é um grande problema. A falta de acesso à educação e profissionalização, e por consequência, postos de trabalho, faz com que esses eleitores dependam muito de vínculos políticos regionais”, disse o secretário judiciário do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, Helder Silva Barbosa. Segundo ele, houve uma “institucionalização” do voto de cabresto em algumas regiões. “Prefeitos ameaçam terceirizados ou dizem aos eleitores que as escolas vão fechar, o vale gás não será mais concedido e aquele contrato terceirizado será cancelado”.

 

No Rio Grande do Norte, a procuradora regional eleitoral Cibele Benevides emitiu recomendações que reforçam pontos já existentes da legislação eleitoral. Uma delas é a instrução de que igrejas orientem todos os seus líderes religiosos para evitar que façam qualquer tipo de veiculação de propaganda eleitoral em cultos.

Em outra, o órgão alerta para a possibilidade de responsabilizar os partidos em casos de candidaturas “laranja” de mulheres para preencher a cota de gênero. O Estado também vai “copiar” a recomendação sobre venda de combustível posta em Alagoas e Amapá. “Muitas vezes não se sabe a consequência de cometer esse tipo de crime. A recomendação vai neste sentido, de educar”, diz a procuradora.

Por Luiz Fernando Toledo / O Estado de S.Paulo

CINCO SÃO MORTOS E UM GRAVEMENTE FERIDO NA NOITE DESTE SÁBADO EM NÍSIA FLORESTA

Foto: Agripino Junior

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte registrou uma chacina no bairro do Alto Monte Hermínio, na cidade de Nísia Floresta. Cinco jovens foram mortos e um foi ferido com gravidade por volta das 20h da noite deste sábado (21 de julho).

De acordo com as poucas informações colhidas até o momento pela Polícia Militar, seis jovens estavam conversando quando um veículo se aproximou e alguns ocupantes do mesmo efetuaram diversos disparos de arma de fogo contra o grupo. Cinco deles morreram no local e um foi levado em estado grave à um pronto-socorro na capital. As vítimas ainda não tiveram suas identidades confirmadas.

Muitos curiosos chegaram ao local pouco depois dos tiros terem sido ouvidos, porém, com receio de represálias, a lei do silêncio impera na comunidade.

Confira matéria em vídeo da NDTV:

Da Redação / Nísia Digital

FACEBOOK DIVULGA OS ASSUNTOS MAIS DEBATIDOS PELOS BRASILEIROS NA REDE SOCIAL

 

Tema ligados à segurança e economia são os mais debatidos pelos brasileiros no Facebook. No total, 64 milhões de pessoas geraram quase 1 bilhão de interações no mês de abril. Este tipo de mapeamento ainda não havia sido disponibilizado publicamente pela companhia.

Os dados foram apresentados pela empresa em um evento sobre internet e eleições realizado ontem (20), em Brasília. A plataforma mapeia os assuntos discutidos e organiza estes em grandes temas. No monitoramento compartilhado no evento, foram identificados os números de pessoas abordando as questões, o número de interações (curtidas, comentários, compartilhamentos) e o percentual por gênero. Os dados são relativos ao mês de abril.

Diferentemente de pesquisas de opinião, que baseiam suas análises em uma amostra de alguns milhares de entrevistados, o quadro montado pelo Facebook toma como referência a sua base de usuários, que chegou a 127 milhões de pessoas, mais da metade da população brasileira

De acordo com o levantamento, segurança e economia foram os temas mais populares. O primeiro teve 262,2 milhões de interações promovidas por 32,3 milhões de pessoas. Já questões vinculadas ao universo econômico geraram 165,8 milhões de interações envolvendo 30,4 milhões de pessoas.

No ranking de áreas objeto de maior preocupação, os dois temas são seguidos por educação (119,9 milhões de usuários e 26,7 milhões de pessoas), tecnologia (102 milhões e 19,4 milhões), saúde (96 milhões e 25,9 milhões) e habitação (81,3 milhões e 19,7 mihões).

Na divisão por gênero, o tema de maior preocupação das mulheres foi Saúde (65% to total de pessoas interagindo), seguido de Educação (64%) e Habitação, Economia, Meio Ambiente e Gênero (62%). Já a participação de homens foi maior nas conversas virtuais sobre Indústria (47%), Segurança (43%), Agricultura (41%) e Turismo e Transporte (40%).

Por Jonas Valente / Agência Brasil

VIGIA É MORTO A TIROS NA PRAIA DE BÚZIOS – NÍSIA FLORESTA

Imagem: Cedida

Um homicídio foi registrado no final da noite desta sexta-feira (20), na praia de Búzios. A vítima foi identificada como Romário Yvanos de Macedo, que atuava como vigia para uma empresa de segurança que atua no litoral da cidade de Nísia Floresta.

De acordo com informações da Polícia Militar, dois carros foram vistos, por volta das 23h, nas proximidades da rua José Sales – local onde foi encontrado o corpo, que estava com marcas de disparos na altura da cabeça. Um outro homem, que estava com Romário, também foi baleado e socorrido ao Hospital Walfredo Gurgel. Não há informações atualizadas sobre o seu quadro clínico.

A Polícia Civil vai investigar se o crime trata-se de um latrocínio ou execução.

Da Redação / Nísia Digital

PILATES É UM DOS DESTAQUES DO ESPAÇO FISIOSAÚDE EM NÍSIA FLORESTA

O pilates é um dos serviços disponibilizados no Espaço FisioSaúde. As aulas são por horários agendados e com no máximo 3 pessoas, sob a supervisão e cuidados da Fisioterapeuta Ramone Santos.

O Espaço FisioSaúde está localizado no Conjunto Clóvis de Carvalho, na região central da cidade de Nísia Floresta. Para mais informações entre em contato via Whats App no: 98129-2763 ou pelo e-mail espacofisiosaudenf@gmail.com.

O blog Nísia Digital visitou o espaço e registrou uma parte das aplicadas alunas. Confira algumas fotos logo abaixo:

Em breve a NDTV trará uma reportagem especial sobre o Espaço FisioSaúde contando como a prática do pilates em mudado as vidas dos clientes e mostrando outros serviços disponibilizados no local.

 
Da Redação / Nísia Digital

INADIMPLÊNCIA AFETA QUASE UM MILHÃO DE POTIGUARES

O índice de inadimplência do consumidor cresceu 1,98% em junho na comparação com o mesmo mês de 2017, informa a Serasa Experian. O número de brasileiros inadimplentes no País atingiu 61,8 milhões em junho, o maior desde o início da série histórica iniciada em 2016. No período, as dívidas somaram R$ 273,4 bilhões, com média de quatro por CPF, totalizando R$ 4.426 por pessoa.

No Rio Grande do Norte, o número de inadimplentes cresceu e 37,3% da população adulta acumula dívidas com base nos dados do mês passado. São 988.800 pessoas na lista dos devedores. O número é maior que o registrado no mesmo período do ano passado, que foi de 909.000. De junho de 2017 para o mesmo mês deste ano, o estado passou a contar com 79.800 novos devedores.

O enfraquecimento do ritmo de crescimento econômico contribui para manter em nível elevado a taxa de desemprego e, consequentemente, a inadimplência do consumidor, explicam os economistas da entidade.

O montante de inadimplentes com faixa etária acima de 61 anos foi o que mais cresceu nos últimos dois anos, segundo a Serasa, embora não seja o mais elevado. Em junho, 35% dos brasileiros com idade acima dessa idade estavam com contas atrasadas, um crescimento de 2,6 pontos porcentuais em relação ao mesmo mês de 2016.

A faixa etária de pessoas inadimplentes continua sendo a dos adultos entre 36 e 40 anos, com 47,3%, embora tenha crescido menos do que a de idosos. Segundo a Serasa, no Brasil, 40,3% da população adulta está inadimplente.

Apesar de as dívidas atrasadas com bancos e cartões de crédito terem a maior representatividade dentro do índice, a participação desse segmento caiu 1,5 ponto porcentual na comparação com junho do ano passado. Já a parcela dos segmentos de serviços públicos, como telefonia, além de financeira, aumentou.

Da Tribuna do Norte

POLÍCIA RECUPERA DUAS MOTOCICLETAS E APREENDE JOVEM EM NÍSIA FLORESTA

Foto: Divulgação/CPRE

A Polícia Militar – lotada na cidade de Nísia Floresta – recuperou duas motocicletas com queixa de roubo e apreendeu um adolescente de 17 anos. A ação foi realizada na noite desta quarta-feira (18), na região do Loteamento Carnaubinha.

De acordo com a PM, o adolescente estaria envolvido em assaltos praticados na região e estava de posse de uma motocicleta de placa NNQ-1491, que estava com queixa de roubo. O mesmo foi atingido por um tiro no braço – a autoria do disparo é desconhecida.

Outras três pessoas estariam atuando junto ao adolescente, mas esses conseguir fugir por uma área de mata existente na região. Eles abandonaram uma outra moto roubada, de placa QGI-4715.

Após ser atendido no hospital, J. V. T., de 17 anos, foi encaminhado à delegacia onde fui submetido aos procedimentos cabíveis.

Da Redação / Nísia Digital

ESTÃO ABERTAS AS INSCRIÇÕES DO CONCURSO DA PM-RN COM MIL VAGAS

As inscrições do Concurso Público para provimento de mil vagas do quadro de Praças da Polícia Militar do Rio Grande do Norte começaram nesta segunda-feira (16) e seguem até o dia 13 de agosto. O candidato deve realizar sua inscrição pela internet, no site. O valor da inscrição é de R$100,00.

O concurso, regido pelo Edital Nº 003/2018 – SEARH/PMRN, oferece 938 vagas destinadas ao sexo masculino e 62 ao sexo feminino.

O certame será composto de sete etapas. A primeira etapa é dividida em duas fases: prova objetiva e redação. As demais etapas são: exame de saúde; teste de aptidão física (TAF); avaliação psicológica; investigação social, avaliação de títulos e curso de formação.

A primeira etapa será realizada no dia 23 de setembro de 2018, nas cidades de Natal, Mossoró e Caicó, conforme escolha do candidato no momento da inscrição. O cronograma previsto e o edital estão disponíveis no site da instituição organizadora do certame, Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade).

Do G1-RN

CONCURSO GAROTA SANTANENSE 2018 ACONTECE NO DIA 25 DE JULHO

Foto: Kauê Lutz

A festa de Sant’Ana – padroeira do bairro de Campo de Santana, em Nísia Floresta – teve início nesta segunda-feira (16) e segue até o próximo dia 26. Dentre as atividades socioculturais dos festejos destaca-se o Garota Santanense 2018, que acontece no dia 25, no Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (antigo clube dos idosos da localidade), logo após a novena.

O concurso de beleza, moda e comportamento da comunidade já é tradição na festa e neste ano conta com quatro candidatas que vão desfilar com looks moda praia, fantasia e gala. Ambas serão avaliadas por uma bancada de jurados oriundos do universo da moda e da fotografia.

A seguir, conheça as candidatas a Garota Santanense – que foram produzidas pelo maquiador Diego Almeida e vestidas por Rai Store:

Emmily Roseane

Grazielly Rodrigues

Lariane Alves

Isabel Cristina

Fotos: Kauê Lutz Fotografias

Da Redação / Nísia Digital

GOVERNO FEDERAL PUBLICA DECRETO QUE ANTECIPA PARCELA DO 13º PARA APOSENTADOS DO INSS

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

O decreto que antecipa a primeira parcela do 13° salário de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi publicado na edição desta terça-feira (17) do Diário Oficial da União. A medida foi assinada ontem (16) pelo presidente Michel Temer e prevê que o pagamento ocorra junto com a remuneração de agosto.

A primeira parcela do abono anual corresponderá a até 50% do valor do benefício. O valor restante será pago com a remuneração de novembro.

De acordo com o governo federal, a medida deve injetar R$ 21 bilhões na economia do país e movimentar o comércio e outros setores.

Como determina a legislação, não haverá desconto de Imposto de Renda na primeira parcela paga a aposentados e pensionistas do INSS. O imposto sobre o valor somente pode ser cobrado na segunda parcela da gratificação natalina, a ser paga em novembro.

Da Agência Brasil
Espaço Vip Nísia Floresta

PASTORAL URBANA E A MENTALIDADE COLONIZADORA

A ação missionária no mundo urbano, com seus espaços e mentalidades, é uma das maiores preocupações da Igreja na contemporaneidade. Uma das referencias para a direção deste olhar é dada pelo Papa Francisco (EG, 71-75). A cultura urbana precisa ser assumida como um lugar teológico na pós-modernidade. Essa admoestação do Pontífice nos provoca a assumirmos esse desafio, quando ele assevera que «precisamos identificar a cidade a partir dum olhar contemplativo, isto é, um olhar de fé que descubra Deus que habita nas suas casas, nas suas ruas, nas suas praças. A presença de Deus acompanha a busca sincera que indivíduos e grupos efetuam para encontrar apoio e sentido para a sua vida. Ele vive entre os citadinos promovendo a solidariedade, a fraternidade, o desejo de bem, de verdade, de justiça. Esta presença não precisa ser criada, mas descoberta, desvendada. Deus não Se esconde de quantos O buscam com coração sincero, ainda que o façam tateando, de maneira imprecisa e incerta» (EG, 71). «A fé nos ensina que Deus vive na cidade» (Doc. Ap, 514).

A proposta da conversão missionária de toda a Igreja está sendo incentivada em muitos setores das comunidades eclesiais, centros acadêmicos e por muitos fiéis batizados que querem ser Igreja neste III milênio. Sabemos que existem “resistências”; contudo, a própria Igreja deve tomar consciência que na sua história progressiva, os que fizeram a diferença qualificativa foram os que estiveram em comunhão, sem negar as diferenças. Os que fomentaram a divisão perderam a beleza da genuína catolicidade. Ferir a unidade, por relação pueril com o secundário, sempre foi uma armadilha na qual muitos caíram e permaneceram no vácuo indecifrável da sua identidade eclesial. Não existe cristão católico sem comunhão com o Sucessor de Pedro. Não é à toa que em todas as celebrações eucarísticas rezamos pelo Pontífice, seja ele quem for. Isso serve para todos nós. Aqui é recomendável a leitura da construção eclesiológica de U. von Balthasar sobre o “primado petrino”.

A conversão pastoral de muitos membros da Igreja, sejam ordenados, ou não, ainda pode ser consequência da mentalidade colonizadora que fomentou a formação eclesiástica de setores da catolicidade; principalmente, na nossa América Latina, e aqui reitero: Nas estruturas formativas do nosso Brasil. Muitos ainda somos filhos da cristandade

colonizadora. Pensamos que as normas e rubricas, as fantasias e adereços, as planificações físicas e espetaculares, são mais importantes do que o anúncio primeiro e performativo do Evangelho. As construções aparentes e históricas que foram sendo agregadas à “única e universal Tradição da Igreja” sempre deviam e devem existir para promover a Boa Notícia do Reino de Deus. Esse nunca deixará de existir sem aquelas. Só uma pessoa convertida à proposta do seguimento de Jesus Cristo assume conscientemente os dons que a Igreja oferece para que comunitariamente possa testemunhar o que professa e viver a Verdade na qual acredita.

A mentalidade colonizadora ainda é presente nos esquemas paradigmáticos de muitos membros eclesiásticos. Para alguns, a cristandade e a ideia de que a Igreja não é só sacramento do Reino de Deus; mas é o próprio reino, é constatável. Para estes, a Igreja não precisa sair, nem ir ao encontro de todos. Ela é autossuficiente e autorreferencial. Quem quiser venha atrás, já que se sentem donos da verdade e não servidores Dela. Existe um problema epistemológico e de poder, fruto de uma teologia superficial e sem relação com a eclesiologia do Vaticano II. Mesmo sem consciência, estes não aceitam as atualizações assumidas pela própria Igreja para ser e estar no mundo de hoje. A própria hermenêutica conciliar é fragmentada e polarizada, caso tenham estudado expeditamente os documentos conciliares e suas adaptações para a América Latina, desde Medellín até Aparecida. A organização e aplicação da Igreja para as exigências da ação missionária nos tempos hodiernos deveria revisitar essa possibilidade de reflexão. Não é à toa que em muitas paróquias ainda insistem em fazer pastoral urbana, como se estivessem falando para o mundo campesino, que também, graças aos novos meios de comunicação, já tem muitos sinais de ação da cultura urbana. A nova ecologia pastoral, que definirá um novo estilo eclesial nas circunstâncias urbanas, poderia avançar nessa construção da teologia.

Por fim, coloquemos essas questões em nossas reuniões, grupos de estudos, com o que estamos tendo do magistério eclesial, com a coragem de ser uma Igreja em Estado Permanente de Missão, nos dias atuais. Assim o seja!

Por Matias Soares - Padre da Arquidiocese de Natal

RN TEVE 21 HOMICÍDIOS REGISTRADOS NO FIM DE SEMANA

O estado do Rio Grande do Norte registra mais um final de semana violento. Levantamento feito pelo Observatório da Violência no Rio Grande do Norte (Obvio), contabiliza 21 mortes violentas do dia 13 de julho (sexta) até o dia 15 (domingo). O relatório contabiliza homicídios, latrocínios, lesões corporais seguidas de mortes e outras condutas dolosas que podem resultar em mortes. O encerramento de coleta de dados deste documento se deu às 8h desta segunda-feira, 16.

O município em que mais se registrou Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI’s) foi Parnamirim, Região Metropolita, com quatro, seguido de Apodi, Mossoró e Natal com três, Areia Branca com dois, e São Vicente, Assu, Baía Formosa, Sen. Elói de Souza, Caicó e Maxaranguape todos com um. Os dados são computados de informações do Itep, Datasus, Ciosp e MPE.

A maioria dos crimes aconteceram pela parte da manhã e em vias públicas, cerca de 10. Dos 21 registrados, 20 foram com armas de fogo e um com arma branca. O RN já soma 862 homicídios em 2018 e, 1.127 crimes letais até o momento. Natal lidera o ranking dos municípios em que mais ocorrem mortes violentas, cerca de 280. A média diária desses crimes no Estado é de 5,75. O número verificado é 12,8% menor do período que vai de 1 de janeiro a 15 de julho deste ano, comparado ao mesmo período de 2015 (865), 2016 (1.069) e 2017(1.293).

Da Tribuna do Norte

CPRE APREENDE ARMA DE FOGO NA COMUNIDADE DE PRIMAVERA

Foto: Divulgação/CPRE

Polícias militares do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual – CPRE apreenderam uma arma de fogo na comunidade de Primavera –  localizada no município de Nísia Floresta –  na madrugada deste sábado (14 de julho).

A apreensão aconteceu durante um patrulhamento de rotina na região de Primavera. A arma – de fabricação caseira – esteve com um homem de 40 anos, natural de Macaíba. O mesmo foi encaminhado à delegacia para os trâmites cabíveis.

Da Redação / Nísia Digital

USUÁRIO PODE VOLTAR A PAGAR CONTAS DA COSERN NAS CASAS LOTÉRICAS

A Cosern e Caixa Econômica Federal formalizaram, nesta sexta-feira (12), a renovação do convênio que permite às casas lotéricas arrecadar as faturas de energia elétrica a partir deste sábado, dia 14.

O acordo firmado atende à solicitação da sociedade, assegura ganhos para a Caixa e para os agentes lotéricos, além de mais opções de pagamento das contas de energia.

Além do retorno das lotéricas como canais de arrecadação, os mais de 1,4 milhões de clientes da Cosern permanecem contando com outros cerca de 300 locais de pagamento, entre a nossa rede própria “Cosern Serviços” e correspondentes bancários.

Da Redação / Nísia Digital
Página 1 de 43612345678910...203040...Última »
error: