UM RELATO DA HISTÓRIA: POVO DE NÍSIA FLORESTA TAMBÉM ESTEVE NA II GUERRA MUNDIAL

Por Cláudio Marques, para o Nísia Digital.

No dia 6 de junho de 1944, as tropas aliadas invadiram a Normandia. Fato histórico que ficou celebrizado como o “dia D”, por ter sido um dia decisivo para o fim da II Guerra Mundial. Um conflito que marcou o mundo. Na verdade, é chamado de II Guerra Mundial, não por envolver todos os países, mas por envolver todos os continentes.

O Brasil, por pressão norte-americana, envolveu-se no conflito, (que por sinal era contraditório para o Estado Novo de Vargas ideologicamente). Foi criada a Força Expedicionária Brasileira (FEB), na qual jovens brasileiros foram incentivados a participar.

No Rio Grande do Norte, 360 homens foram alistados para participar do combate contra nazistas na Itália, dos quais apenas seis tombaram em solo Italiano.

O município de Nísia Floresta também cedeu combatentes: cinco no total. Destes, tive a honra de conhecer o senhor João Cândido Martins Filho, residente em Oitizeiro, que nos relatou fatos bem interessantes.

Diante do tempo na Europa, o ex-combatente relatou: “Gastamos quinze dias e quinze noites na viagem. Desembarcamos no porto de Nápoles, ficamos lá em uns prédios. O treinamento foi realizado na Itália”, afirma João Cândido.

No que se refere à realização de treinamento, aqui no Rio Grande do Norte, Sr. João respondeu: “Aqui era instruçõesinhas “bestas”. Agora lá, era instrução de guerra não é? As armas todas eram americanas”. Sr Cândido disse que ficou no acampamento, próximo ao Campo de Batalha, o nome do lugar onde era STAFFOLI. Nesse local, tiveram o treinamento.

O senhor João Cândido não chegou a ir ao front de batalha, mas ficou aguardando ser recrutado, como era feito, de acordo com o total de baixas.

É bom saber que de nossa cidade existiram homens como o senhor João Cândido Martins Filho, que assumiram o desafio de lutar contra um sistema nazista e fascista. E mais do que isso, fazem parte da história mundial.

Publicidade

O que tem a nos dizer?

...

5 comentários sobre “UM RELATO DA HISTÓRIA: POVO DE NÍSIA FLORESTA TAMBÉM ESTEVE NA II GUERRA MUNDIAL

  1. Osana Rocha

    Muito interessante! O bom de divulgar histórias como a do Sr. João Cândido Martins, que foi um combatente na II Guerra Mundial, é poder mostrar que a cidade de Nísia Floresta e o RN, também fizeram parte desse período tão lastimável da nossa história. E que graças a Deus estão vivos para poder nos contar o que aconteceu.

  2. sheila

    …parabéns ao Sr. João Cândido, um guerreiro! Parabéns tbm pro Cláudio Marques e ao Nisia Digital por trazer conhecimentos históricos, não somente ao povo de Nísia Floresta, mas a todos que buscam informações do lugar do meu agrado. O bom é saber que cada vez mais a cultura se fortalece no lugar.

  3. Eliete

    Só temos a gradecer ao Sr. João Cândido e aos demais ex-combatentes que serviram fielmente a sua pátria, todas as vezes em que o ofício os exigiam, e não só a serviço do Brasil, como também de outros países e continuamos a ter jovens guerreiros que põem suas vidas em risco pelas guerras a fora. Tive um conhecimento mais aprofundado sobre a 2° Guerra Mundial, através de meu sogro conhecido por Alfredo do camarão (ex-combatente) que residia no porto e também serviu nessa época negra de nossa história, realmente foi um período muito bárbaro e que levou a vida de muitos inocentes deixando dores e marcas para sempre. Parabéns ao ND pelas atuais matérias e assim ajudam a circular o conhecimento.

  4. Cláudia Marques

    Nossa cidade tem histórias interessantes para serem contadas, como essa matéria divulgada.
    Parabéns ao Cláudio que descobriu o senhor João Cândido, que fez parte do marco histórico e ao ND por divulga la.
    Nísia Digital também é um marco para nossa cidade. Daqui algum tempo será ela quem estará mais em foco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
error: