PREFEITO VAI À MÍDIA TENTAR DESFAZER IMAGEM NEGATIVA DE ALCAÇUZ

Todos os fatos envolvendo a rebelião – que durou cerca de 13 dias e vitimou ao menos 26 detentos – na Penitenciária Estadual de Alcaçuz gerou e pode gerar mais prejuízos à comunidade pertencente ao município de Nísia Floresta. O comércio e a população tem sentido na pele os efeitos da situação.

A gestão pública municipal se preocupou e chegou a emitir nota sobre o presídio. Entretanto, a cobertura sobre o confronto entre facções no local teve repercussão local, nacional e até internacional. Pensando nisso o prefeito Daniel Marinho tem ido à mídia potiguar em busca de espaço para falar sobre a localidade.

Daniel em entrevista ao Repórter 98. (Foto: Reprodução/Instagram)

Daniel esteve em jornais das rádios 98 FM, 96 FM e Rádio Cidade – ambas de Natal, além dos programas de televisão Nordeste Acontece e Conexão Potiguar – ambos da Band Natal. Na oportunidade o gestor esclareceu que à comunidade – bem como todo o município – tem grande potencial turístico e cultural, bem diferente da realidade da unidade prisional, e convidou todos a conhecerem às belezas da região, incluindo a lagoa de Alcaçuz.

No contato com os jornalistas, o prefeito de Nísia Floresta também buscou falar acerca de seus planos e projetos que pretende tocar nesse período inicial de sua gestão.

Da Redação / Do Nísia Digital
ndwhats

O que tem a nos dizer?

...