ACUSADA DE SEQUESTRAR EMPRESÁRIO EM 2012 É PRESA PELA POLÍCIA CIVIL EM PARNAMIRIM

Policiais civis da 1ª Delegacia de Polícia de Parnamirim prenderam, nesta terça-feira (11) no bairro Bela Vista, a foragida da Justiça: Bruna de Pinho Landim, 27 anos, acusada de participar do sequestro do empresário Porcino Fernandes Segundo, conhecido como Popó Porcino, no dia 16 de junho de 2012, no município de Ceará-Mirim.

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Bruna estava foragida do sistema penitenciário desde o dia 03 de julho do ano passado, quando fugiu do Instituto Penal Feminino Desembargadora Auri Moura Costa, localizado na cidade de Aquiraz, Estado do Ceará, local onde ela e outras detentas escalaram as paredes do presídio utilizando cordas de lençóis para empreender fuga.

SEQUESTRO DO EMPRESÁRIO

Porcino Fernandes Segundo foi sequestrado no dia 16 de junho de 2012, quando estava em uma vaquejada no município de Ceará-Mirim. O sequestro, que durou 37 dias, chegou ao fim após uma equipe da Divisão de Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) estourar o cativeiro localizado na Praia de Pitangui, município de Extremoz, no dia 24 de julho de 2012. A vítima foi libertada ilesa e Bruna de Pinho Landim presa com outras três pessoas. O sequestro de Popó Porcino foi o mais longo da história do Rio Grande do Norte.

Da Redação / Do Nísia Digital

O que tem a nos dizer?

...