NOVA TENTATIVA DE EXPLOSÃO NA AGÊNCIA DO BANCO DO BRASIL EM NÍSIA FLORESTA

Por Agripino Junior, do Nísia Digital.

O caixa eletrônico da agência do Banco do Brasil da cidade de Nísia Floresta sofreu uma nova tentativa de violação na madrugada desta terça-feira (7). Cerca de 10 homens, chegaram em 3 carros – 1 deles sendo um I 30 de cor preta – e tentaram explodir o terminal, mas acabaram não obtendo êxito na ação. A Polícia Militar foi acionada, mas ao chegar ao local os criminosos já tinham se evadido da proximidades.

De acordo com informações repassadas por populares à PM, os bandidos chegaram por volta das 2h horas ao local. Eles estavam em três veículos, provavelmente roubados, com capuzes, coletes a prova de bolas e com armamento pesado, entre eles, fuzis. Não se sabe o tipo de material usado para tentar violar o terminal eletrônico, que sofreu pouco dano, já que não houve detonação de explosivos.

IMG_5661

Clientes se depararam com o recado na porta da agência. (Foto: Agripino Junior/Nísia Digital)

Os policiais nisiaflorestenses informaram ao Nísia Digital que ao receber o comunicado da ação, vindo do CIOSP, saíram da delegacia em direção ao local, mas acabaram passando com a viatura por cima de grampos, colocados pelos criminosos – fato que também aconteceu pouco antes do acesso à a cidade, na BR-101. Com os pneus da viatura furados, eles desceram a pé até o local da tentativa de explosão, que fica no Conjunto Clóvis de Carvalho. Entretanto, ao chegarem, os policiais não mais encontraram os envolvidos na ação.

IMG_5669

Apenas a saída das cédulas do terminal foi danificada parcialmente (Foto: Agripino Junior/Nísia Digital)

A PM disse ainda que um veículo foi abandonado nas proximidades do acesso à comunidade de Laranjeiras, na cidade de São José de Mipibu. Não há como confirmar ainda, mas é possível que os criminosos tenham trocado de carro quando se aproximaram de Nísia Floresta.

Desde que foi inaugurada, em agosto de 2012, o terminal da agência do Banco do Brasil na cidade passou por 3 tentativas de explosão, mas em nenhuma delas os autores obtiveram êxito. A mais recente foi em fevereiro deste ano de 2014 (relembre aqui).

Publicidade

O que tem a nos dizer?

...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *