SEIS CIDADES SÃO ALVO DE OPERAÇÃO DE COMBATE À SONEGAÇÃO FISCAL NO RN

Foto: Divulgação

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), a Secretaria Estadual de Tributação (SET), a Polícia Militar e a Receita Federaldeflagraram, na manhã desta terça-feira (27), a operação Decanter. A investigação, que já acontece há 2 anos, apura indícios de sonegação de tributos, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. No total, o prejuízo aos cofres públicos pode chegar a R$ 60 milhões.

Vinte e seis mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Natal, Parnamirim, Currais Novos, São José de Mipibu, São Vicente e Lagoa de Pedras. Ao todo, participam da ação 22 promotores de Justiça, 50 servidores do MPRN, 40 auditores da SET, 95 policiais militares e 11 auditores da Receita Federal.

Segundo informações repassadas à imprensa potiguar, as investigações acontecem em segredo de Justiça.

Da Redação / Do Nísia Digital

O que tem a nos dizer?

...

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
error: