RN FECHA MAIS DE 2 MIL POSTOS DE TRABALHO EM FEVEREIRO

O número de postos de trabalho formal diminuiu no Rio Grande do Norte em fevereiro. Conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta segunda-feira, 25, pelo Ministério da Economia,foram fechados 2.249 postos de trabalho com carteira de trabalho assinada. O saldo negativo de fevereiro é maior, inclusive, ao registrado no mês anterior, que foi -1.359 vagas. No Nordeste, somente os Estados da Bahia, Ceará e Paraíba registraram abertura de postos formais de ocupação em fevereiro passado. No Brasil, o saldo ficou positivo em 173.139 carteiras assinadas.

Do quantitativo de demissões ocorridas no Rio Grande do Norte em fevereiro, a maioria delas ocorreu na Agropecuária, que fechou 2.054 postos de trabalho. Em seguida, a Indústria de Transformação, com 916 desligamentos. Ocorreram fechamentos de postos de trabalho, também, Construção Civil: -148. O Comércio demitiu 109 pessoas; a Indústria Extrativa Mineral outras 68 e, a Administração Pública, 24. Os saldos positivos se concentraram no setor de Serviço, com 1.054 trabalhadores contratados, e no Serviço Industrial de Utilidade Pública, com 16 carteiras assinadas.

O comportamento do mês de fevereiro deste ano no Rio Grande do Norte se assemelha ao vivenciado nos últimos cinco anos: redução nas contratações formais. Em fevereiro de 2018, foram dispensados 3.570 trabalhadores. A última vez que o mês de fevereiro registrou saldo positivo desde a série histórica informada a partir de 2004, foi em 2014, com abertura de 931 vagas.

Por Ricardo Araújo - Tribuna do Norte

O que tem a nos dizer?

...